21 julho 2009

Sobre tudo e sobre nada

Pra variar...assuntos não necessariamente conectados...it's me!

Outro dia ouvi na TV que conhecer os outros faz parecer que temos um certo controle sobre eles...será que é por isso que as pessoas têm tanta dificuldade de aceitar que nossos gostos mudam? Que se gostávamos de goiabada há 5 anos atrás, pode ser que hoje abominemos o mesmo doce?! Sim...eu prefiro ser uma metamorfose ambulante do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo. Já dizia Raul Seixas. Concordo totalmente. Lembrei do slogan do Yázigi: "nossa cabeça é redonda para permitir que o pensamento mude de direção". Fato. Me irritam um pouco as pessoas que acham que devemos ser sempre do mesmo jeito. Será que eles nunca leram Heráclito: "não se pode entrar no mesmo rio duas vezes". Ok. Erudito demais. E Lulu Santos? "Nada do que foi será de novo do jeito que já foi um dia...". Aff.

---------------------------
As pessoas normais assistem à TV em silêncio, no máximo, comentam algo com outros seres humanos que porventura estejam perto. Ok.
Meu pai discute com a TV. Nas palavras de mommy..ele não é doido, apenas gosta de "interagir" com o aparelho.
Puxei a ironia de mamãe.
Que orgulho!
-----------------------------
Os casos de gripe suína se multiplicam como porquinhos da Índia...e as notícias são alarmantes...e eu trabalho em hospital.
Quem tá quase entrando em pânico levanta a mão!
------------------------------
Oi, meu nome é fulana de tal e eu sou viciada em pão.
Basta sentir o cheirinho que eu começo a salivar tal qual o cão de Pavlov.
Oi, eu também sou viciada em mar.
Amo praia, mas neste caso não estou falando de ir à praia, estou falando do mar.
Basta olhar aquela imensidão de água salgada, que o meu humor já melhora.
Porque eu falei desses dois vícios...no mesmo post? Porque tive hoje uma das sensações que mais gosto. Eu não tenho carro. Ainda. Mas se tem uma coisa que me fgaz gostar de ir trabalhar de buzu (uma das poucas coisas...fato) é pegar o danado indo para o fim de linha e esperar ele dar a volta. Nossa. Ele passa pelo mar...aquele marzão tranquilo, quase imóvel, com um leve cheirinho de maresia de manhã...e perto dele tem uma padaria.
Cheiro de pão fresco com cheiro de mar.
Sim, é preciso pouco para me fazer feliz, por mais que às vezes não pareça assim.

----------------------------
Por falar em vício:
Só por hoje eu não comprei nada.
Se o blog sobreviver até dezembro, aceitarei os parabéns do seres de pouca fé.rs.
Até mais.

4 comentários:

Fritas disse...

Essa história sobre o mar...foi pra me fazer sentir culpada?

Seres de pouca fé...estou entre eles?

Ok...talvez esteja com mania de perseguição...hihihi

Agora deu vontade de comer pão quentinho com mortadela...hihihi

Josilene disse...

1. Hj eu gosto (muito) de coisas que a pouco tempo atrás detestava!!! Amo isso!

2. Eu discuto com a tv! :P

3. Tb trabalho num lugar onde o pessoal viaja demais... *medo*

4. Amo pão e mar tb!

5. Espero estar aqui para dar-lhe os parabéns! E livros contam sim! kkkkkkkk

6. Só pra te contrariar! hahaha

Abraços!

Kaline Vieira disse...

neem comento sobre outra pessoa que "interage com o aparelho" kkkkkkkkkkkkkkk... ;]

own... mar... amo taaaanto! incrível como ele pode mudar drasticamente o humor de uma pessoa e te fazer viajar muuuito... sem contar nos momentos em que te obriga a pensar, as vezes coisas que vc não queria saber que sabe... mas ok... AMO!

hum... coisas q eu deixei de gostar e passei a amar... viji se eu for fazer uma lista eu morro e não termino! a praia msm... (mas nesse caso é praia, e não só o mar) eu detestaaaava e agora eu AAMOOOO... adoro essas mudanças ^^

ah, e eu A-DO-RO andar de ônibus... não quero carro... só as vezes bate a vontade quando lembro do meu fusca dos anos 60 com pinturas psicodélicas... *.*

Kuase Nada disse...

admito ser um dos incrédulos, mas darei os parabéns com orgulho se você falar que conseguiu, afinal acreditamos na sua sinceridade.