06 agosto 2010

A quem interessar possa....

hoje eu defini meu tema de monografia e meu orientadro.

\o/

Aeeeeeeeeeee momento em que gostaria de dar um salto tipo duplo twist carpado....mas....er....vim neste encarnação desprovida de tamanha elasticidade...fazer o que, né?

Se eu disser que até 1 hora antes de reunião no colegiado do curso eu estava com o tema 2 e depois de 10 min de conversa com a orientadora (que nesta hora ainda era orientadora em potencial) eu voltei pro tema 1?

Sim, é verdade. Sim, eu sou louca.

Então, pessoas, se eu já era a pessoa monotemática...serei mais ainda, já que hoje foi definido que deveremos entregar o ante projeto até o dia 18 e nesse meio tempo ainda tem meu trabalho, orientação da estagiária que já se ambientou, recepção da estagiária que está voltando e extração de ciso.

Sim, sou multitarefa, como bem pede a pós modernidade...embora ache que esta é uma forma nada sutil de domesticação de nossos corpos e tempo.

Vocês já notaram que a gente está sempre correndo pra ganhar tempo, mas no final das contas, não ganha nada? Se sobra um tempinho, vem logo um sentimento de culpa pelo suposto ócio e uma auto imposição de fazer algo pra ocupar aquela brecha.

Quando eu era criança, uma das coisas que mais me angustiva era crescer e trabalhar trancada em uma sala ou lugar qualquer sem ver a passagem do tempo...aquela sensação de shopping, sabe, você entra com dia claro e sai e nem sabe quantas horas se passaram, se choveu, se fez sol, se o céu estava mais ou menos azul.

Aliás, por falar em shopping, já notaram que lá não tem relógio? Os shopping como cápsula do tempo...entramos naquele universo paralelo e nos perdemos nos labirintos do consumo, mergulhamos na mais profunda e nebulosa experiência de vidro...

Do que é que eu tô falando mesmo, hein? Sei lá, é tanta coisa....

Nenhum comentário: