10 janeiro 2012

Meus escritos...

Olá pessoas, tudo bem?

Que esse é um blog sobre livros, filmes e séries de TV, vocês já sabem. Assim como também sabem que ele está em constante mudança/construção....por isso, de vez em quando pretendo postar, além das resenhas, alguns textos meus. Coisa bem simples, às vezes incompleta mesmo. Fragmentos, experimentações. Conto com o feedback de vocês, ok.

Vamos lá!


"Caminhou seus vinte passos com o pensamento solto nas entrelinhas da música. Levantou a cabeça e mais uma vez se assustou com a mudança da paisagem, antes decorada depois de 5 anos imutáveis. Fez uma curva após a outra e na última delas, ele apareceu. Quanta sincronia foi necessária para que eles se esbarrassem naquela esquina do prédio? Muitas, certamente. Ela precisou driblar um congestionamento, a mulher no caminho a atrapalhar, a criança que corria, a sacola que lhe escorregava do braço. Ele juntou uns papéis, assinou tantos outros. Pôs-se a caminhar, foi parado por alguém, apressou-se em desconversar com a urgência de quem sabe ser necessário ir à algum lugar. Ela andava depressa, ele atrasava o caminhar e mesmo assim naquela esquina se esbarraram. Ela viu um discreto sorriso, mas sua mente tirânica interpretou como escárnio. Ele viu dois olhos castanhos detrás de uma mecha displicente que caía sobre a delicada testa. Ele nunca soube da tirania dela. Ela nunca soube do encantamento dele. E, como no serpentear de um tango inaudível, cada um seguiu seu caminho. Ele pra lá, ela pra longe". 

Nayara.

Nenhum comentário: